Quais os tipos de doenças que afetam a visão?

Você costuma visitar o oftalmologista com frequência ou apenas quando aparece algum sintoma?

Muitos brasileiros possuem o hábito de procurar um consultório oftalmológico apenas quando alguma irritação ou problema se manifesta, ou para atualizar os óculos, mas o ideal é procurar o oftalmologista pelo menos duas vezes por ano. Isso porque existem inúmeras doenças oculares cujos sintomas nem sempre são tão aparentes e, em muitos casos, o tempo pode ser um fator essencial para um tratamento eficaz ou não.

Aliás, muitas doenças relacionadas a outras partes do corpo podem se manifestar através dos olhos, como a diabetes, doenças reumatológicas e infecções sexualmente transmissíveis. É justamente por isso que é recomendado visitar não somente o oftalmologista, mas um clínico geral com frequência, caso você não possua nenhum problema de saúde específico, para identificar precocemente quaisquer alterações no seu organismo.

Voltando a falar de saúde dos olhos, podemos elencar algumas das doenças mais comuns na oftalmologia, confira:

Miopia

Uma das doenças oculares mais comuns da atualidade, a miopia é caracterizada pela dificuldade para enxergar à distância, sintoma muitas vezes acompanhado por dores de cabeça e fadiga ocular. Acontece quando a estrutura do olho é mais comprida que o normal, atrapalhando a formação de imagens pela retina.

Astigmatismo

Outra doença bastante conhecida por quem precisa usar óculos de grau, é ocasionado por uma irregularidade na curvatura da córnea, o que resulta numa visão embaçada e desfocada.

Hipermetropia

É considerada o oposto da miopia, já que se caracteriza pela dificuldade de enxergar de perto. Acontece quando a estrutura ocular é mais curta do que deveria, fazendo com que as imagens sejam formadas atrás da retina e causando dificuldade de focalização da imagem.

Ceratocone

Afeta a espessura e o formato da córnea, que, gradualmente, vai se assemelhando a um cone. Além disso, provoca visão distorcida e dificuldade para enxergar.

 

Conjuntivite

Uma doença ocular bastante conhecida, acontece quando há uma inflamação na conjuntiva, a membrana que envolve o globo ocular. Provoca coceira, lacrimejamento e irritação.

Catarata

Costuma afetar mais a idosos já que é uma reação natural do envelhecimento, atingindo e opacificando o cristalino, a lente natural dos olhos. Pode evoluir para a cegueira.

 

Glaucoma

Assim como a catarata, também é uma doença mais comum em pacientes idosos, mas nada impede que uma pessoa mais jovem a desenvolva. É caracterizada pelo aumento da pressão intraocular, da perda irreversível das células da retina e, gradualmente, da perda da visão.

 

Essas são algumas das doenças mais comuns que encontramos em nossos consultórios, porém, existem muitas outras patologias com sintomas bastante parecidos. É por isso que somente um oftalmologista especializado consegue confirmar ou descartar qualquer diagnóstico.

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp

Inscreva-se na newsletter e receba todas as novidades

    LEIA MAIS PUBLICAÇÕES

    Quando o uso de colírios pode fazer mal?

    Você sente necessidade de usar colírios para os olhos constantemente? É preciso tomar muito cuidado com esse hábito. …

    Tratamento da oncologia ocular ganha técnicas mais modernas e menos invasivas e amplia chances de cura

    Tratamento da oncologia ocular ganha técnicas mais modernas e menos invasivas e amplia chances de cura – esse é o …

    Retinoblastoma: saiba tudo sobre esse câncer ocular

    O retinoblastoma é um tipo de câncer ocular que se desenvolve na retina, parte posterior do olho. Geralmente, o principa…

    confira nosso instagram

    Av. T-2, n 401 - Setor Bueno
    CEP 74.210-010 - Goiânia - GO CNPJ: 00.250.178/0001-90

    Horário de Funcionamento

    Segunda a sexta das 08h às 18h – Atendimento de Urgência 24h

    Redes Sociais

    CBCO – Hospital de Olhos:

    Responsável Técnico: Dr. Arnaldo Cialdini – CRM/GO 5526 – RQE 949

    © Copyright 2021 | CBCO - Todos os direitos reservados.

    Fale Conosco Agora!