O colesterol pode afetar a visão

O aumento dos níveis de colesterol pode causar agravamento de algumas doenças retinianas, como a associada à hipertensão e diabetes, além da possível oclusão de vasos da retina, com risco de perda visual severa e até mesmo irreversível.
Outra condição ocular associada ao colesterol é o acúmulo de cristais de colesterol no humor vítreo, conhecida como sínquises cintilantes, facilmente diagnosticada pelo médico oftalmologista.
O melhor a se fazer é adotar um adequado estilo de vida, praticar exercícios físicos e ter uma boa alimentação.
Uma alimentação desequilibrada com um estilo de vida sedentário durante muitos anos, podem ser percebidos por um oftalmologista em um simples exame de rotina. O alto nível de colesterol, diabetes e hipertensão arterial sistêmica, ocorre justamente por costume desses hábitos ruins, que acometem alterações que são mais precocemente detectáveis nos olhos.
Da mesma forma que observamos doenças vasculares oclusivas no corpo, podem ocorrer também “infartos” e “derrames” nos olhos, o que causa baixa de visão repentina e, muitas vezes, total.
O colesterol alto além de prejudicar totalmente a saúde, pode causar turvação visual crônica na medida em que vai acelerando e agravando as retinopatias diabéticas e hipertensivas. O Colesterol alto no sangue pode levar à deposição de cristais de colesterol no vítreo, processo denominado Sínquise Cintilante, que pode ser notado pelo paciente na forma de opacidades multicoloridas e brilhantes.
Além disso, o Colesterol, pode manifestar-se na região das pálpebras através do depósito de matéria gordurosa amarelada em nódulos, chamada de Xantelasmas. Mesmo que não causem dor, essas lesões são incômodas, e dependendo de sua localização pode exigir remoção cirúrgica.
Com tudo isso, as medidas de controle dos níveis de Colesterol no sangue são muito importantes para a saúde ocular.

As orientações são simples:

  • Dieta equilibrada, rica em fibras e pobre em gorduras
  • Prática regular de atividade física
  • Consulta periódica com oftalmologista

tabela de tipos de gordura
Esses cuidados devem ser reforçados para quem tem história familiar de distúrbios metabólicos, pois o risco de doenças cardiovasculares diretamente associados a níveis elevados de lipídios na circulação se tornam maiores.

Nunca deixe de consultar com seu oftalmologista, apenas ele saberá a melhor forma de indicar um tratamento.

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp

Inscreva-se na newsletter e receba todas as novidades

    LEIA MAIS PUBLICAÇÕES

    A importância do diagnóstico visual precoce do bebê

    Você sabe por que é tão importante fazer o teste do olhinho no seu bebê? A maioria das doenças oftalmopediátricas, como …

    Prof. Dr. Marcos Ávila é homenageado em Brasília

    Prof. Dr. Marcos Ávila é homenageado com a Comenda da Ordem do Mérito Judiciário do Trabalho O presidente do Centro …

    Como auxiliar uma pessoa cega

    Seguem algumas instruções para quem for auxiliar uma pessoas cega. Elas são fáceis e simples de executar! Pratique a…

    confira nosso instagram

    Av. T-2, n 401 - Setor Bueno
    CEP 74.210-010 - Goiânia - GO CNPJ: 00.250.178/0001-90

    Horário de Funcionamento

    Segunda a sexta das 08h às 18h – Atendimento de Urgência 24h

    Redes Sociais

    CBCO – Hospital de Olhos:

    Responsável Técnico: Dr. Arnaldo Cialdini – CRM/GO 5526 – RQE 949

    © Copyright 2021 | CBCO - Todos os direitos reservados.

    Fale Conosco Agora!